junho 24, 2024

Minuto Mais

Informações sobre Brazil. Selecione os assuntos que você deseja saber mais sobre no Journaloleme

Deputado russo disse que general Sergei Surovkin está “descansando”

Deputado russo disse que general Sergei Surovkin está “descansando”

Notícias

12 de julho de 2023 | 16h27

O general Sergei Surovikin, o vice-comandante das operações militares da Rússia na Ucrânia, que não apareceu em público desde o levante fracassado do Grupo Wagner no mês passado, está “descansando”, de acordo com um legislador sênior.

Andrei Kartapolov, presidente do comitê de defesa da Duma Estatal, foi ouvido dizendo a um repórter em um vídeo postado na mídia social na quarta-feira: “Sorovikin está descansando no momento. [He is] Não disponível agora.”

A resposta cômica de Kartapolov a uma pergunta sobre a situação de Surovikin ecoou comentários anteriores feitos por vários canais de notícias no Telegram, dizendo que o general estava descansando “em um dos resorts do Cáucaso”.

Enquanto isso, o Verstka é um canal de telegrama russo independente Ele informou na quarta-feira, citando fontes anônimas, que Surovikin havia sido detido e interrogado pelo braço de contra-espionagem do FSB, o serviço de segurança da Rússia, sob suspeita de seu envolvimento na organização da insurreição do Grupo Wagner. Mas até agora, ele não foi acusado de nenhum crime.

O general russo Sergei Surovkin, que não é visto há mais de duas semanas, estaria “descansando”.
MIL.RU

“Sorovikin está isolado e não tem contato com seus parentes há mais de duas semanas”, segundo uma fonte familiarizada com o assunto falando com Verstka.

Surovikin, apelidado de “General Armageddon” pela mídia russa por suas táticas brutais durante a campanha militar na Síria, foi visto pela última vez quando postou um vídeo instando os mercenários rebeldes de Wagner a deporem as armas.

Muitos compararam o apelo intimidante e embaraçoso do general na televisão a um “vídeo de refém”.

Surovikin foi visto pela última vez no mês passado em um vídeo pedindo aos mercenários rebeldes de Wagner que se retirassem.
PA
Surovikin, que tem boas relações com Yevgeny Prigozhin, teria conhecimento prévio da rebelião de curta duração.
RBC.RU

Surovikin, que teria tido boas relações com o chefe do Grupo Wagner, Yevgeny Prigozhin, supostamente tinha conhecimento prévio da insurgência de curta duração, de acordo com um relatório do New York Times baseado em um resumo da inteligência dos EUA.

O influente canal de guerra da Rússia, Rybar Telegram, relatou posteriormente alegações não confirmadas de que Surovikin havia sido preso e sujeito a interrogatório sobre seus laços com Wagner.

Alguns meios de comunicação afirmaram, sem provas, que Surovikin foi jogado na notória prisão de Lefortovo, em Moscou. Uma fonte falando com Bloomberg disse que o general estava “em algum lugar”, mas não atrás das grades.

O Kremlin foi rápido em descartar as alegações sobre o destino de Surovkin como “especulação” e “tagarelice” – mas se recusou a responder diretamente a perguntas sobre o paradeiro do general.

Um porta-voz do Kremlin no mês passado evitou responder a uma pergunta sobre se o presidente Vladimir Putin, de esquerda, ainda confiava em Surovikin, de direita.
PA

Quando perguntado se o presidente Vladimir Putin ainda confiava em Surovikin, o porta-voz do Kremlin, Dmitry Peskov, deu uma resposta caracteristicamente evasiva: “[Putin] Ele é o comandante supremo das Forças Armadas e trabalha com o Ministro da Defesa e o Chefe do Estado-Maior.”

Nos dias após Prigozhin concordar com uma trégua com o Kremlin, mediada pelo líder bielorrusso, a filha de Surovkin, Veronika Surovikina, negou relatos de que seu pai havia sido preso.

“Nada aconteceu com ele, ele está no local de trabalho”, disse ela ao jornal russo Paza no mês passado.


Carregue mais…




https://nypost.com/2023/07/12/general-sergei-surovikin-is-resting-russian-lawmaker-says/?utm_source=url_sitebuttons&utm_medium=site%20buttons&utm_campaign=site%20buttons

Copie o URL de compartilhamento

READ  Notícias da guerra Rússia-Ucrânia: atualizações ao vivo