fevereiro 25, 2024

Minuto Mais

Informações sobre Brazil. Selecione os assuntos que você deseja saber mais sobre no Journaloleme

Atualizações ao vivo entre Israel e Gaza: O exército israelense diz que dois reféns foram libertados de Gaza

Atualizações ao vivo entre Israel e Gaza: O exército israelense diz que dois reféns foram libertados de Gaza

Os dois reféns, Fernando Simon Marman, 60, e Luis Haar, 70, que estavam entre os sequestrados em Israel em 7 de outubro, foram resgatados durante uma operação especial em Rafah, no sul de Gaza, na manhã de segunda-feira, informou a IDF.

“Continuaremos a fazer todos os esforços e por todos os meios para criar condições para o retorno dos sequestrados, incluindo… a possibilidade de chegar a um acordo”, disse o porta-voz das FDI, almirante Daniel Hagari, na segunda-feira.

A sede do Fórum para Reféns e Famílias de Pessoas Desaparecidas disse em um comunicado: “Prestamos homenagem aos soldados das FDI que mostraram força e coragem para garantir a libertação dos dois reféns, e desejamos que todos voltem para casa com segurança e rapidez. … O tempo está se esgotando para o resto.” “Reféns detidos pelo Hamas. Suas vidas estão em risco a cada momento que passa. O governo israelense deve esgotar todas as opções disponíveis para libertá-los. As vidas de 134 reféns ainda estão em jogo.”

READ  Geólogo britânico condenado a prisão no Iraque por roubar antiguidades

O exército israelense anunciou que dois soldados israelenses foram mortos em uma operação em Khan Yunis, no sul da Faixa de Gaza, na segunda-feira.

Nota do editor: Esta postagem foi atualizada para dizer que os dois soldados israelenses foram mortos em uma missão em Khan Yunis, e não durante uma missão de resgate de reféns em Rafah, na segunda-feira.


A localização dos dois reféns resgatados na manhã de segunda-feira da Faixa de Gaza era conhecida há semanas, mas a operação especial foi adiada várias vezes por temores de que pudesse custar a vida dos reféns, disse uma fonte israelense à ABC News.

As forças israelitas demoraram cerca de 40 minutos desde o momento em que entraram no edifício em Rafah, a sul de Gaza, onde os dois reféns estavam detidos, até os colocarem num helicóptero que os tirou da zona, segundo a fonte israelita.

– Jordana Miller e Morgan Winsor, ABC News


O primeiro-ministro israelense, Benjamin Netanyahu, elogiou na segunda-feira o anúncio do exército da libertação de dois reféns israelenses da Faixa de Gaza.

“Fernando e Luis, bem-vindos de volta”, disse Netanyahu em comunicado. “Saúdo os nossos bravos combatentes pela acção ousada que levou à sua libertação. Só uma pressão militar sustentada, até à vitória completa, levará à libertação de todos os nossos reféns.”

“Não perderemos nenhuma oportunidade de trazê-los para casa”, acrescentou.

Os dois reféns – Fernando Simon Marman, 60, e Luis Haar, 70 – estavam entre os sequestrados no sudoeste de Israel e levados através da fronteira para Gaza em meio ao ataque terrorista liderado pelo Hamas em 7 de outubro. Eles foram resgatados durante uma operação especial em Rafah, sul de Gaza, na madrugada desta segunda-feira, segundo anunciou o exército israelense.

READ  O fabricante de armas diz que os tanques Leopard alemães que estão sendo consertados para a Ucrânia estão prontos em 2024, no mínimo

– Jordana Miller e Morgan Winsor, ABC News