Ouro Preto: repúblicas são proibidas de cobrar estadias no Carnaval 2014

A Justiça Federal proibiu que os estudantes hospedassem visitantes mediante pagamento nas repúblicas federais; Ufop pretende recorrer da decisão

  • Ouro Preto: repúblicas são proibidas de cobrar estadias no Carnaval 2014

O tradicional Carnaval nas repúblicas de Ouro Preto pode estar comprometido no ano que vem. É que uma decisão da Justiça Federal expedida nesta quinta-feira, dia 19, proíbe os estudantes de cobrarem a hospedagem para os turistas. O assessor técnico da Universidade Federal de Ouro Preto (Ufop), André Lana, informou que os estudantes já foram comunicados da decisão, já que ela deve ser cumprida em caráter imediato, mas que tentará reverter a decisão.

De acordo com a reitoria da Ufop, a decisão veio após um pedido da Associação Brasileira da Indústria Hoteleira, que acredita que a hospedagem a visitantes no Carnaval mediante pagamento pode prejudicar os negócios. “Entendemos que há também um projeto cultural desenvolvido pelas repúblicas no Carnaval, por isso estamos recorrendo da decisão”, explicou Lana. Segundo ele, não é possível saber se a situação será revertida até o Carnaval, visto que a Justiça Federal entra em recesso e só volta no próximo dia 6 de janeiro. A Universidade já acionou a Advocacia Geral da União (AGU).

A Associação de Moradores das Repúblicas Federais de Ouro Preto (Refop) foi orientada a cumprir a decisão e suspender as vendas de pacotes para o feriado. O diretor jurídico da Refop, Rômulo Cézar Freitas, não quis informar quantos pacotes já foram vendidos, mas a orientação da Ufop é desfazer o negócio. “Vamos cumprir a decisão. Ainda não sabemos quais serão os próximos passos”, disse.

Fonte: Jornal O Tempo

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado Campos obrigatórios são marcados *

Você pode usar estas tags e atributos de HTML: <a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <strike> <strong>