Tainná durante apresentação dos atletas em uma competição. Foto: reprodução de vídeo

Treinando judô há cerca de quatro anos, a atleta Tainná Eduarda da Silva Oliveira Mota (17), moradora do distrito de Cachoeira do Campo, em Ouro Preto (Região Central de Minas), integrante da equipe Budo-kan, foi convocada para fazer teste na Seleção Brasileira de Judô. “Porém, não temos recurso suficiente para ela ir para a seletiva em São Paulo. Então, fizemos uma vaquinha virtual para arrecadar patrocínio ou ajuda. Conseguimos uma amiga para disponibilizar a casa para ela ficar. Mas, mesmo assim, temos gastos com transporte e alimentação”, disse Claudinéia Oliveira (conhecida como Cláudia), mãe da atleta, salientando que a filha está atualmente treinando no Minas Tênis.

Ajuda

Sabe-se que muitas vezes o povo brasileiro só pode com o próprio povo. Por isso, eis o link da vaquinha on-line para quem puder ajudar. CLIQUE AQUI.

Tainná e seus amigos do judô. Foto: reprodução

Associada a vaquinha, o Minuto Mais pede a você, internauta, que compartilhe esta matéria para que mais pessoas possam se interar a respeito da causa e, quem sabe, ajudar atleta.

 

Seleção Brasileira de Judô

Com os pés na Seleção Brasileira de Judô, o que Tainná pretende participar é a última fase do processo de formação da Seleção Júnior do Brasil, que contará com os oito melhores atletas do país de cada categoria de peso.

A competição acontecerá em São Paulo nos dias 1 e 2 de fevereiro de 2019. Portanto, restam poucos dias para que o internauta possa ajudá-la por meio da vaquinha virtual.

Nessa disputa, todas as despesas são custeadas pelo atleta. “Vamos gastar com alimentação, hospedagem, deslocamento e a viagem. Ainda teremos gastos como o deslocamento para os treinos por 15 dias no Minas Tênis, passaporte, quimono etc. Despesas essas que somam R$1.600”.

Deixe seu comentário: