Cida Abreu foi um ser humano muito especial. Foto: reprodução

Em Itabirito (MG), vítima de complicações provenientes de um câncer, que começou na mama e se espalhou pelo corpo, morreu, aos 57 anos de idade, a professora de geografia Maria Aparecida Abreu (conhecida como Cida Abreu ou Cida de São Gonçalo).

Ela morava no distrito itabiritense de São Gonçalo do Bação, e faleceu no fim da tarde deste domingo (19) em casa. Cida lutava contra a doença há anos. 

Como professora, trabalhou por mais de 25 anos nas redes estadual e municipal de ensino.

O velório será em São Gonçalo, segunda-feira (20), às 8h. E o enterro na mesma localidade, às 16h.