Max durante reunião recente na Câmara de Vereadores de Itabirito. Foto: Romeu Arcanjo/Minuto Mais

BRASA?LIA (DF) – O presidente Michel Temer (PMDB) sancionou, no fim da tarde desta segunda-feira (18), a lei que muda as regras da Cfem (CompensaA�A?o Financeira pela ExploraA�A?o de Recursos Minerais). Com isso, a arrecadaA�A?o de Itabirito (MG) e de outros municA�pios mineradores deve aumentar em cerca de 10%, segundo o vereador itabiritense Max Fortes (PSB).

Atualmente, a Cfem repassada aos municA�pios mineradores tem como base 2% do valor lA�quido do minA�rio. Com a mudanA�a, passarA? a ser calculada sobre 3,5% do valor bruto.

Segundo o vereador Max, a mudanA�a vai significar aumento deA�R$ 30 milhA�es na arrecadaA�A?o anual de Itabirito, podendo ter variaA�A?o para mais ou para menos, dependendo do quanto de minA�rio for comercializado.

Em 2017, segundo o vereador, a arrecadaA�A?o da cidade foi de R$ 220 milhA�es. Sendo que R$ 40 milhA�es vieram da Cfem.A�JA? para 2018, a expectativa sA?o R$ 250 milhA�es de arrecadaA�A?o anual, sendo R$ 70 milhA�es da a�?nova Cfema�?.

De acordo com Max, que A� da base aliada do prefeito Alex Salvador (PSD) e especialista em economia de Itabirito, o dinheiro a mais serA? “injetado” na cidade a partir de fevereiro de 2018.

Para ele, a curto prazo, Itabirito deve equilibrar as contas pA?blicas para nA?o comprometer a qualidade dos serviA�os oferecidos. E, a mA�dio e longo prazos, deve investir na diversificaA�A?o econA?mica. a�?Dando a distritos industriais mais infraestrutura para receber empresas limpas, qualificar a mA?o de obra, bem como investir no FundoA�de Desenvolvimento EconA?mico deA�ItabiritoA�(Fundi)a�?, acredita o vereador.

Para ele, a situaA�A?o da cidade deve melhorar. “Mas nA?o como nos patamares de, mais ou menos, 2010 e 2011, antes da crise”, salienta Max.