Inspetora Graciane, GM Joyce, escrivã Luciana Senem, inspetor Caldeira e subinspetor Fernandes: trabalho em equipe PC e GM. Foto: Minuto Mais

Desde setembro, a Delegacia de PolA�cia Civil (PC) de Itabirito desenvolve o projeto a�?Caminho da Harmoniaa�?. Trata-se de um trabalho de acompanhamento a mulheres vA�timas de violA?ncia e que denunciaram a opressA?o A� delegacia. a�?Eu via pelas ruas as mulheres que apresentaram a denA?ncia e pensava: ‘como elas estA?o?’a�?, disse Luciana Senem, escrivA? da Policia Civil e autora do projeto. ApA?s conversa com o comandante Oliveira, da Guarda Civil Municipal (GM), Luciana elaborou o plano de trabalho por meio do qual, com o apoio da GM, ela vai atA� a casa da vA�tima e pede que um questionA?rio seja respondido. A intenA�A?o A� saber se a violA?ncia continua ou teve fim.

PUBLICIDADE
WhatsApp Minuto Mais

Desde a implantaA�A?o do projeto, trinta mulheres receberam a visita da PC e GM e responderam aos questionamentos.

GM e PC: parceria em defesa da mulher que sofre violA?ncia em Itabirito. Foto: Minuto Mais

HA? casos de mulheres que continuam sendo maltratadas pelo cA?njuge, mas ainda o amam e dizem que nA?o tA?m para onde ir; hA? situaA�A�es em que mulheres com problema mental criam situaA�A�es de violA?ncia que nA?o existem; bem como acontecem situaA�A�es em que a mulher se livrou da violA?ncia e o agressor se mudou para outra cidade, por exemplo. a�?SA?o vA?rias e diferentes situaA�A�esa�?, disse a escrivA? que salientou que as visitas e as informaA�A�es norteiam os trabalhos da PolA�cia Civil e servem como parA?metro para as futuras decisA�es judiciais com base na Lei Maria da Penha (Lei nA? 11.340, de 7 de agosto de 2006).

As visitas acontecem A�s quartas-feiras na parte da manhA?.