Cachoeira do Campo, em Ouro Preto. Foto de Neno Vianna

Para conseguir recursos a serem utilizados nas A?reas de risco em prevenA�A?o de enchentes nos distritos de Amarantina e Cachoeira do Campo, a Prefeitura de Ouro Preto (em Minas Gerais) decretou situaA�A?o de emergA?ncia nesta quinta-feira (11).

Segundo o portal G1, o pedido foi registrado nesta sexta-feira (12) pela Defesa Civil Estadual. a�?Cerca de 300 pessoas vivem em A?reas de risco em Amarantina e Cachoeira do Campo, perto do Rio MaracujA?. Nosso temor A� que novos temporais causem inundaA�A�es nestes locais. As pessoas estA?o entregues A� prA?pria sorte. Nossa intenA�A?o A� fazer obras, inclusive para desassorear o rioa�?, disse o engenheiro geA?logo da Prefeitura, Charles Murta, em entrevista ao G1.

Nos dia 28 e 30 de novembro, tempestades provocaram alagamentos no centro comercial de Cachoeira do Campo e, na zona rural, houve perdas para a agricultura. Uma das estaA�A�es de tratamento foi afetada e houve falta da��A?gua.

a�?A situaA�A?o foi mitigada, mas ainda hA? risco de nova pane elA�trica na estaA�A?o caso uma nova tempestade aconteA�a. Por isso precisamos dos recursos, jA? que o municA�pio enfrenta crise financeiraa�?, disse Murta ao portal do Sistema Globo.

Ainda segundo o G1, Ouro Preto A� a 34A? cidade a decretar situaA�A?o de emergA?ncia em Minas Gerais desde o inA�cio da temporada de chuvas em outubro do ano passado.