Materiais furtados da Vale de Itabirito. Foto - PMR

Nesta quinta-feira, 20 de abril, por volta das 9h, dois funcionários da mineradora Vale de Itabirito foram detidos pela Polícia Militar Rodoviária (PMR) com R$ 17.500 em materiais furtados da empresa.

Um desses funcionários trabalha há mais de 10 anos na mineradora.

Eles foram pegos em uma blitz do posto da PMR que fica no município itabiritense.

Os envolvidos estavam de carro sentido Belo Horizonte saindo de Itabirito. Ao serem abordados pela PMR, foram encontrados, no interior do veículo (um Fiat Marea), três caixas contendo, cada uma, dois rolamentos de máquina pesada (espécie de um grande rolimã), cerca de um quilo de cobre e peças de bronze em pedaços.

Policiais que participaram da operação e funcionários da segurança da Vale. Foto – PMR

A princípio, os funcionários disseram que eram materiais comprados em Itabirito, mas não apresentaram nota fiscal. Segundo a PMR, eles tinham a intenção de vender os produtos em Belo Horizonte. Contudo, não se sabe qual seria o exato valor da venda.

A segurança da Vale, de acordo com a PMR, confirmou que o material foi furtado da empresa.

Procurada pela reportagem, a mineradora afirmou que não comenta esse tipo de assunto.

Os dois estão, neste momento, prestando esclarecimentos ao delegado, em Itabirito.

O Minuto Mais tentou, mas não conseguiu, os nomes dos envolvidos.