Adelio Bispo Oliveira : o homem que deu facada em Bolsonaro. Foto: reprodução

Matéria do Estado de Minas

PUBLICIDADE
WhatsApp Minuto Mais

O quadro de saúde do presidenciável Jair Bolsonaro (PSL) se agravou e ele está com hemorragia interna, já controlada pelos médicos.

A informação foi confirmada à reportagem pelo deputado federal Leo Portela (PRB), que acompanhava o candidato durante ato de campanha em Juiz de Fora.

No Twitter, o filho de Bolsonaro, Flávio Bolsonaro, falou sobre o estado de saúde do pai. “Infelizmente foi mais grave que esperávamos”, disse ele, complentando que o pai perdeu muito sangue e chegou ao hospital “quase morto”.

Bolsonaro está sendo operado nesta quinta-feira (6) por quatro médicos na Santa Casa da cidade, depois de ser esfaqueado durante caminhada no centro da cidade.

Exame de ultrassonografia indicou que ele teria sido atingido no fígado e na alça intestinal.

A assessoria de imprensa do hospital informou no início da noite apenas que o quadro do candidato é “estável”.