Alunos do Hapkidô da Escola Municipal Laura Queiroz chamam a atenção do público. Fotos desta página: Romeu Arcanjo/Minuto Mais


A história de Itabirito contada em desfile. As comemoração do Dia de 7 de Setembro (Independência do Brasil e 95 anos de Itabirito) trouxeram fotos, lembranças e referências a educadores, políticos, escritores e religiosos que marcaram e marcam a história da cidade.

PUBLICIDADE
WhatsApp Minuto Mais

Trabalhos desenvolvidos pelas escolas: música, fabricação de cupcake, artes marciais, maculelê e projetos ambientais foram o grande destaque.

Em discurso, o prefeito Alex Salvador (PSD) disse que há motivos para a cidade comemorar quase um centenário de emancipação política. “Itabirito tem dado muito certo. Mesmo que alguns não queiram, temos muitos motivos para comemorar”, disse o prefeito, referindo-se indiretamente aos ataques sofridos pela atual administração.

Público

Em sua maioria, o público presente, que encheu a Avenida Queiroz Júnior, aprovou o evento. “Estou gostando do desfile. Melhor que em outros anos. As fanfarras estão ótimas”, disse Irma Gois (59), moradora do Munu.

“Estou achando muito bom. Aliás, ótimo”, opinou Romeu Santana (62), morador do bairro Santo Antônio.

“Está bom. Só acho que estão dando muito tempo entre um desfile e outro. Seria melhor se viesse uma escola a poucos metros da outra”, disse Sileide Marques (47), moradora da Vila Gonçalo.

Este ano, diferentemente de outros anos, não houve atraso considerável. Marcado para as 9h, o desfile começou por volta das 9h15 com a revista das tropas pelo prefeito Alex acompanhado pelo comandante da PM, capitão Gláucio Sigaud e pelo secretário de segurança, Carlos Henrique Luke.

O hasteamento das bandeiras foi feito pelo prefeito, pelo presidente da Câmara (vereador Rodrigo do Porco – PSD) e pelo vice-prefeito Wolney Oliveira.