Pedro, morto após atropelamento. Foto: reprodução de Facebook

Quarta-feira (17), por volta das 20h, Rua Antônio Caetano, região do Country, Itabirito (Minas Gerais). Avó e neto estavam tentando atravessar a rua quando uma bicicleta guiada por um garoto de 15 anos se esquivou da senhora, mas acertou em cheio Pedro Lucas Santos da Silva (o neto) de apenas 5 anos. O menino teve 10 paradas cardíacas, contanto também com as que teve durante o transporte feito pelo Bombeiro Municipal.

PUBLICIDADE
WhatsApp Minuto Mais

Infelizmente, o pequeno morreu. Isso apesar dos esforços e procedimentos feitos pelos profissionais de Itabirito.

Diante da dor, uma lição de vida. Após o atropelamento, a avó disse ao garoto atropelador: “você matou meu neto!”. O jovem, então, afirmou: “não, não matei. Ele vai ser levado para a UPA e vai ficar bem”. “A senhora me perdoa?”, perguntou o garoto. E ela respondeu: “sim, eu te perdoo”.

O diálogo foi relatado ao Minuto Mais pela tia do menino, Yasmim Silva de Moura. Ela conta que não existe rancor. “Foi uma fatalidade”, disse.

Infomações dão conta de que o jovem que atropelou a criança é boa pessoa e é apaixonado por bicicleta. Neste momento, o condutor da bike está internado em um hospital de Belo Horizonte.

Sobre Pedro, a tia dele falou: “ele era meigo, alegre, adorava a prima, e era muito carinhoso”.

O velório será às 16h no Cemitério Parque da Esperança, e o enterro será às 8h (de sexta 19) no mesmo local.