A série The Big Bang Theory (Big Bang: A Teoria) é sucesso absoluto nos Estados Unidos. No Brasil, o canal de TV por assinatura Warner ganhou os louros desse êxito (o programa, infelizmente, não emplacou no SBT). Para os fãs, uma boa notícia: a saga da turma de Sheldon Cooper continua sendo gravada até, pelo menos, 2019. A informação é do site Hollywood Reporter.

A mais bem paga da TV: Sofia Vergara (Modern Family) que no ano passado faturou US$ 43 milhões. Foto: divulgação

Isso porque, ainda segundo o site, as redes americanas CBS e Warner renovaram a série por mais duas temporadas.

Por outro lado, no Brasil, muita expectativa com relação a estreia de “Young Sheldon” (Jovem Sheldon), neste domingo (8), na Warner TV. A história de Sheldon Cooper quando tinha 9 anos será exibida logo após outro lançamento no canal pago: a 11ª temporada de The Big Bang Theory que será veiculada às 22h (na web, essa temporada pode ser facilmente ser encontrada, mesmo dublada, com boa qualidade de som e imagem).

Segundo mais bem pago da TV: Jim Parsons (Sheldon – The Big Bang Theory) – US$ 25,5 milhões. Foto: reprodução

Milionários

Segundo a revista Forbes, cinco astros de The Big Bang Theory estão entre os seis mais bem pagos da TV americana.

Na lista, aparece em primeiro em faturamento: Sofia Vergara (da série Modern Family) que no ano passado ganhou US$ 43 milhões. Em segunda posição: Jim Parsons (Sheldon – The Big Bang Theory) – US$ 25,5 milhões. Em terceiro lugar, Kaley Cuoco (Penny – The Big Bang Theory) – US$ 24,5 milhões. Em quarto, Johnny Galecki (Leonard – The Big Bang Theory) – US$ 24 milhões. Simon Helberg (Howard -The Big Bang Theory) que ganhou US$ 22,5 milhões em 2016 está na quinta posição. Por sua vez, Kunal Nayyar (Raj -The Big Bang Theory) ficou em sexto lugar com US$ 22 milhões.

Em terceiro lugar: Kaley Cuoco ( Penny – The Big Bang Theory) – US$ 24,5 milhões. Foto: reprodução

De acordo com a Folha de São Paulo, houve um impasse na hora de definir o salário do elenco. As atrizes Mayim Bialik (Amy) e Melissa Rauch (Bernadette) queriam aumento nos ganhos. Elas recebiam US$ 175 mil por episódio e pretendiam ganhar o mesmo que os protagonistas —US$ 1 milhão.

Durante as negociações, Jim Parsons (Sheldon), Kaley Cuoco (Penny) e Johnny Galecki (Leonard) aceitaram diminuir os salários de US$ 1 milhão por episódio para US$ 900 mil, mesmo valor que será pago a Simon Helberg (Howard) e Kunal Nayyar (Raj), para que o restante fosse usado para manter Bialik e Rauch.